terça-feira, 26 de janeiro de 2010

ZARARADIO EM 2010


ZaraRadio é um sistema gratuito completo para automação das emissões de radio. O programa transforma seu PC em uma máquina musical potente e é muito útil para bares, restaurantes, hoteis, e sobretudo para rádios que operam em rede ou não.
O programa é recomendado especialmente para estações de rádio que não têm um grande orçamento mas que necessitam de um programa robusto, estável e com muitas possibilidades para a emissão automatizada de uma estação de rádio, como também para quando o locutor precisa de uma ferramenta, fácil, rápida e estável que o ajuda no trabalho diante do microfone.
ZaraRadio, além de ser a solução mais econômica encontrada para automatizar sua estação de rádio, é uma ferramenta potente ao mesmo tempo que simples e estável.

Software de automatização de emissões desenvolvido por ZARASOFT - Juan Antônio Ortega

Os arquivos podem ser executados aleatóriamente de um diretório (incluisive subdiretorios) memorizando o que soou sem repetir até concluir a série inteira.
  • Especialmente programando de eventos com muitas de possibilidades e de prioridade.
  • Reproduz formatos waw, mp3, ogg, wma, Lista de reprodução (arquivos .lst), rotações (arquivos .rot), sequencias (arquivos .seq), comandos de parada e play.
  • Locuções de hora (arquivos .time).
  • Proteção da configuração do programa por senha.
  • Procura de arquivos na lista, pasta de arquivos e tags Id3.
  • Procura de arquivos em pastas, diretórios e tags Id3.
  • Calcula tempo total da lista.
  • Seleção da placa de som e opção de pre-escuta com uma segunda placa.
  • Quatro modos de reprodução (normal, repetir, embaralhar e manual).
  1. Normal: Executa a lista de acordo com a lista.
  2. Repetir: Ao final da execução o programa reinicia a lista executada.
  3. Embaralhar: O programa reordena todas as posições dos arquivos de um modo aleatório, e reinicia a execução.
  4. Manual: Os arquivos se executam um a um sob o comando do operador (tecla play), para ao final do arquivo e aguarda o comando para iniciar o próximo arquivo.
  • Possibilidade para arrastar canções para a lista de qualquer pasta, e até mesmo entre dois zaras aberto (Arrastar-e-soltar).
  • Detecta do fim da canção para realizar o fade.
  • Opção de emissão pela entrada de linha (satélite).
  • “Atenuador” função que baixa o volume do audio com a tecla “t” enquanto o locutor fala.
  • Árvore de arquivos do disco rígido com possibilidade de selecionar uma pasta raíz do mesmo.
  • Idiomas configuraveis e ampliáveis.
  • Função AGC que mantém uniforme o volume.
  • Detector de silêncios.
  • Log com informações de toda a execução.
  • Enumerar arquivos, diretório, rota, etc.
  • Configuração das fontes e possibilidade para personalizar o nome da emissora.
  • Execução de arquivos BAT e EXE.
  • Possibilidade para mostrar pop-up inserindo arquivos TXT na lista ou os programando como eventos.
  • Toolbars móveis.
  • Botão para lançar locuções de hora.
  • Filtro Todos os formatos suportados na caixa de diálogo “abrir arquivo”.
  • As instâncias secundárias não deixam mensagens no arquivo log.
  • Indicador do tempo transcorrido do arquivo “no ar” na barra estatus.
  • Possibilidade para introduzir números decimais na configuração de fade depois do símbolo˜ (til).
  • Possibilidade para abrir o mixer com a tecla X ou na barra de ferramentas.
  • Nas instâncias secundárias os eventos são desabilitados.
  • Resolvido o problema da distorção do som.
  • Quando reproduzindo as sequencias, abre uma janela que mostra o conteúdo do mesmo.
  • A janela Próximos Eventos pisca quando faltam menos de 5 minutos para o próximo evento.
  • Suporte para arquivos WMA.
  • Na lista de próximos eventos, os eventos aparecem sempre na ordem em que serão executadas.
  • Menú Contextual da lista de reprodução reordenado.
  • Opção de confirmar ao encerrar o programa.
  • Ao alterar o volume, se altera na canção seguinte.
  • Memorização da última pasta utilizada na busca.
  • Memorização da posição das janelas de vinhetas e pré-escuta. Por padrão a posição é o canto superior esquerdo, ao invés do centro da tela.
  • Opção de play com duplo clique.
  • As janelas que mostram o tempo restante e estima a hora exata do término do arquivo.
  • Correção dos bugs da versão anterior

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Projeto Rádio-Escola será montado em escola do Paar

Instalar uma rádio experimental numa instituição de ensino, capacitar alunos e professores, promovendo educação e cidadania. Com esse intuito será montado o Projeto Rádio-Escola na próxima sexta-feira (8), na Escola Estadual Saturnino Favacho, no bairro do Paar, em Ananindeua. Em fase de implantação, o projeto do governo federal tem contrapartida do Estado e apoio de alunos, professores, direção e comunidade. Na tarde desta quarta-feira (6), houve simulação de entrevistas feita por alunos durante palestra ministrada pelo radialista Franck de Castro, da Secretaria de Estado de Comunicação (Secom)

A apresentação fez parte da palestra e dos relatos de experiência promovidos pela direção da escola, assim como os cursos realizados. Uma sala também está sendo adaptada para abrigar a rádio experimental. Na opinião de Marcos Mascarenhas, vice-diretor da escola, a iniciativa é uma forma de mudar a concepção dos alunos, que serão mais do que consumidores, mas também "produtores de mídia".

Para a estudante do 1º ano do Ensino Médio, Sayara Gomes, de 16 anos, selecionada como uma das repórteres da Rádio-Escola, a palestra de Franck de Castro foi rica e estimulante. "Achei interessante ele ensinar a gente a falar e se comportar com o ouvinte. Também aprendemos sobre impostação de voz", comentou. Ela falou ainda que os alunos terão oportunidade de conhecer melhor algumas personalidades, como o cantor paraense Walter Bandeira, que dá nome à sala onde vai funcionar a rádio. Cantor, comunicador e professor de teatro, Walter Bandeira marcou a história do rádio paraense, colaborando com sua evolução, lembrou Sayara.

Mascarenhas explicou que o projeto está pautado em algumas diretrizes e que os assuntos abordados servirão para levantar debates sobre problemas que podem estar ligados ao cotidiano dos alunos, como violência, sexualidade e drogas. Sayara pretende explorar temas como saúde e educação. "Apesar de ter muita escola em Ananindeua, ainda tem muita criança que não estuda", observou.

O alcance da Rádio-Escola é de 50 metros. Os alunos poderão produzir e entrevistar dentro da própria escola, além das atividades externas programadas, como visitas a rádios comunitárias.

O governo federal colabora com o projeto cedendo a mesa de áudio e outros equipamentos. O governo do Estado, por meio da Diretoria de Comunicação Popular da Secom, também enviou microfones e outros equipamentos necessários para o funcionamento da rádio, além de colaborar, juntamente com outros professores e convidados, com a capacitação do corpo docente e discente.

Além do apoio para iniciativas como a do Rádio-Escola, a Secom também desenvolve outros projetos, com destaque para as Oficinas de Comunicação para a Cidadania, que já levaram informação e cidadania para dezenas de municípios do Estado. Os cursos orientam sobre produção para rádio, grações em vídeo, jornal impresso e grafitagem, com o objetivo de democratizar o acesso à informação. Com formato único no Brasil, as oficinas têm despertado a atenção de comunicadores de outros Estados.

Luciane Fiuza - Secom